Londres anuncia envio à Índia de peritos da Scotland Yard

A Grã-Bretanha vai enviar à Índia uma equipe de especialistas em terrorismo da Scotland Yard para ajudar os investigadores indianos depois dos atentados de Mumbai, anunciou nesta quinta-feira o primeiro-ministro Gordon Brown.

AFP |

"Vamos enviar equipes especializadas em situações de emergência e em terrorismo, e tentaremos trazer todo o apoio possível através da polícia britânica e dos responsáveis pela segurança", declarou Brown à imprensa.

O premier se disse novamente "chocado" e "escandalizado" pelos atentados, que deixaram mais de cem mortos na capital econômica indiana.

Brown destacou que "ainda é cedo" para determinar se britânicos faleceram nestes ataques "horríveis". "Teremos essa informação ainda hoje", garantiu.

O Alto Comissário britânico na Índia, Sir Richard Stagg, indicou à agência Press Trust of India (PTI) que um britânico faleceu nos atentados, e disse à BBC que sete de seus compatriotas ficaram feridos. Contactado pela manhã, o ministério britânico das Relações Exteriores se recusou a confirmar estas informações.

"Há evidentemente vítimas britânicas, e o Alto Comissário está visitando os feridos nos hospitais de Mumbai", frisou Brown. "Está claro que muitas pessoas estão retidas em um hotel, e precisamos nos assegurar de que elas estejam seguras", acrescentou.

Cerca de cem pessoas foram mortas e outras cem ficaram feridas na noite de quarta-feira em Mumbai em uma série de tiroteios e explosões provocados por homens armados com fuzis de assalto e granadas. Dois dos maiores hotéis da cidade, freqüentados essencialmente por turistas, foram atacados.

A Scotland Yard já enviara uma equipe de especialistas ao Paquistão, a pedido do ex-presidente Pervez Musharraf, para participar da investigação sobre o assassinato, em 27 de dezembro passado, da líder da oposição Benazir Bhutto.

mt/yw/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG