Jerusalém, 25 out (EFE) - A presidente do partido Kadima, Tzipi Livni, chegou esta noite à conclusão de que não tem possibilidades de formar um Governo estável em Israel e, por isso, pedirá ao chefe de Estado do país, Shimon Peres, para antecipar as eleições gerais. Estou cansada de chantagens. Veremos todos estes heróis dentro de 90 dias, disse hoje à noite a líder do Kadima ao decidir que a melhor opção para Israel é resolver a incerteza política nas urnas, informou a edição eletrônica do jornal Yedioth Ahronoth e outros veículos de comunicação locais.

EFE elb/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.