Lituânia fecha central nuclear a pedido da UE

A única central nuclear da Lituânia encerrou sua atividade à meia-noite desta quarta-feira, após um acordo entre Vilnius e a Comissão Europeia, disse à AFP o diretor da usina, Viktor Sevaldin.

AFP |

"Às 23H00 local, tudo parou por aqui, como estava previsto", declarou Sevaldin por telefone.

O fechamento da central de Ignalina, aberta há 26 anos e do mesmo tipo da usina de Chernobyl, que provocou uma catástrofe na Ucrânia, terá como efeito imediato a alta nos preços da eletricidade na Lituânia, com o aumento da dependência energética em relação à Russia.

mvi/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG