CAIRO (Reuters) - As nações da Liga Árabe endossaram neste sábado a retomada das negociações sobre o conflito entre Israel e a Palestina, alimentando esperanças de que conversas indiretas intermediadas pelos Estados Unidos possam ressuscitar o estagnado processo de paz.

O secretário-geral da organização, Amr Moussa, disse a repórteres após encontro com autoridades do grupo no Cairo que o organismo regional vai apoiar negociações indiretas entre autoridades palestinas e israelenses.

" /

CAIRO (Reuters) - As nações da Liga Árabe endossaram neste sábado a retomada das negociações sobre o conflito entre Israel e a Palestina, alimentando esperanças de que conversas indiretas intermediadas pelos Estados Unidos possam ressuscitar o estagnado processo de paz.

O secretário-geral da organização, Amr Moussa, disse a repórteres após encontro com autoridades do grupo no Cairo que o organismo regional vai apoiar negociações indiretas entre autoridades palestinas e israelenses.

" /

Liga Árabe apoia retomada de conversas entre Israel e Palestina

CAIRO (Reuters) - As nações da Liga Árabe endossaram neste sábado a retomada das negociações sobre o conflito entre Israel e a Palestina, alimentando esperanças de que conversas indiretas intermediadas pelos Estados Unidos possam ressuscitar o estagnado processo de paz.

O secretário-geral da organização, Amr Moussa, disse a repórteres após encontro com autoridades do grupo no Cairo que o organismo regional vai apoiar negociações indiretas entre autoridades palestinas e israelenses.

Reuters |

CAIRO (Reuters) - As nações da Liga Árabe endossaram neste sábado a retomada das negociações sobre o conflito entre Israel e a Palestina, alimentando esperanças de que conversas indiretas intermediadas pelos Estados Unidos possam ressuscitar o estagnado processo de paz.

O secretário-geral da organização, Amr Moussa, disse a repórteres após encontro com autoridades do grupo no Cairo que o organismo regional vai apoiar negociações indiretas entre autoridades palestinas e israelenses.

A retomada das conversas, que estão paralisadas desde a guerra de Gaza, ocorrida em dezembro de 2008, seria um sinal promissor de um possível progresso entre autoridades israelenses e palestinas.

(Por Yasmine Saleh)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG