coração dividido por enfrentar Brasil na Copa - Mundo - iG" /

Liedson admite coração dividido por enfrentar Brasil na Copa

O atacante baiano Liedson, naturalizado português e convocado para defender a seleção de Portugal nos últimos jogos da fase eliminatória para a Copa do Mundo, disse nesta sexta-feira que seu coração está dividido quanto à possibilidade de enfrentar o Brasil na fase de grupos do mundial da África do Sul. Entretanto, o jogador, que defende o Sporting, de Portugal, jogar com o Brasil logo no início da Copa não é ruim.

BBC Brasil |

"É melhor pegar o Brasil na fase de grupos, quando passam dois. Poderia ser pior, poderíamos pegar o Brasil no mata-mata", disse.

No sorteio dos adversários da primeira fase da Copa do Mundo de 2010, nesta sexta-feira, o Brasil ficou no grupo G e enfrentará, além de Portugal, a Coreia do Norte e a Costa do Marfim.

Seleção 'fortíssima'
Na imprensa de Portugal, o grupo do país da Copa foi considerado difícil, especialmente por causa da presença da Seleção Brasileira.

A seleção portuguesa, que em um amistoso de novembro de 2008 perdeu para os brasileiros por 6 a 2, vai enfrentar o Brasil no terceiro jogo da primeira fase, em Durban, no dia 25 de junho.

A edição online do jornal Record afirma que "o sorteio não foi favorável às pretensões lusas". Segundo o jornal, a seleção portuguesa ficou num grupo "apertado" (difícil).

O jornalista Luís de Freitas Lobo, comentarista desportivo do canal RTP1, disse que "o Brasil é fortíssimo".

"Na Costa do Marfim, Drogba leva o futebol para outra dimensão e Kalou é um grande jogador, mas o time não é muito forte na defesa. Os coreanos são muito mais altos do que antes, defendem bem e com muito poder físico."
O jogador João Moutinho admitiu que o seu maior receio no grupo é em relação à Seleção Brasileira.

"Todos sabem o poderio que tem o Brasil e é um grupo muito difícil. Acho que Portugal tem qualidade para poder ganhar, mas para isso vamos ter que nos superar."
O atacante Hugo Almeida, do Werder Bremen, já começou a fazer contas.

"Tudo vai depender do jogo de abertura, contra a Costa do Marfim. Se ganharmos, poderemos ter mais chances de passar. É bom pegar o Brasil no terceiro jogo".

Repetição de 1966
A rádio TSF lembrou a semelhança entre os adversários que já se sabe que Portugal enfrentará na Copa de 2010 e os que a equipe portuguesa pegou na Copa de 1966.

Nesse mundial, Portugal enfrentou o Brasil, Bulgária e Hungria na fase de grupos e, depois, a Coreia do Norte, a Inglaterra e a União Soviética.

O técnico português Carlos Queirós disse que teve o pressentimento de que Portugal ira jogar contra o Brasil e a Coreia do Norte.

"Antes do sorteio disse ao (ex-jogador da seleção de Portugal) Eusébio que não vale a pena, que vamos jogar contra a Coreia do Norte e contra o Brasil e só não vamos jogar contra a Bulgária (como em 1966) porque ela não está aqui."
"Temos grande chance de ganhar o primeiro jogo. Penso que depois do jogo de treino (amistoso) que fizemos, jogar contra o Brasil pode ser fantástico", completou.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG