Líderes sul-americanos chegam à Bolívia para posse de Morales

La Paz, 22 jan (EFE).- Líderes de Paraguai, Equador e Venezuela chegaram hoje a La Paz para a posse do presidente da Bolívia, Evo Morales, que inicia um segundo mandato de cinco anos.

EFE |

Os chefes de Estado estiveram hoje no Palácio de Governo para um ato protocolar para saudar Morales, que acontece pouco antes da cerimônia principal de posse.

Os presidentes da Venezuela, Hugo Chávez, e do Equador, Rafael Correa, chegaram ainda de madrugada ao aeroporto da cidade de El Alto, vizinha a La Paz, e foram recebidos pelo chanceler boliviano, David Choquehuanca.

Já Fernando Lugo, presidente do Paraguai, foi o último desses líderes a chegar e foi recebido pelo vice-chanceler da Bolívia, Hugo Fernández.

Ao chegar, Correa disse que a vitória de Morales nas eleições de dezembro é uma mostra que o "despertar dos povos" na região não retrocederá e que "as tentativas separatistas e desestabilizadores" contra Governos "progressistas revolucionários" da América Latina não terão sucesso.

Já Chávez felicitou o país pelo início do novo período de um Governo "marcado pelo mais profundo apoio do povo boliviano, que finalmente conseguiu achar o caminho".

Lugo, por sua vez, destacou as relações bilaterais "fraternas, justas e equitativas" estabelecidas entre seu país e a Bolívia. O presidente paraguaio, que recentemente passou por uma cirurgia, viajou mesmo contra uma indicação do médico particular.

No dia anterior, já haviam chegado à Bolívia a presidente do Chile, Michelle Bachelet, assim como os vices-presidente de Cuba, Ramiro Valdés, e da Colômbia, Francisco Santos.

Além disso, já estão em La Paz delegações oficiais de Brasil, Canadá, França e Peru. EFE gb/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG