Líderes do Sudeste Asiático mostram otimismo com Obama no poder

Manila, 21 jan (EFE).- Os líderes de Filipinas, Indonésia, Malásia, Tailândia e Cingapura felicitaram na noite desta terça-feira o novo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, que já disse que tentará ter um maior compromisso com o Sudeste Asiático durante seu mandato.

EFE |

O presidente da Indonésia, nação de maior população muçulmana do mundo e onde Obama residiu durante quatro anos quando criança, afirmou que o novo líder americano entende a cultura e o povo de seu país.

"Trabalharei com ele de todas as formas possíveis para promover uma paz duradoura", afirmou o presidente indonésio, Susilo Bambang Yudhoyono.

Durante uma festa em Jacarta para comemorar a posse do novo presidente, a meia-irmã indonésia de Obama, Maya Soetoro-Ng, parabenizou Obama através de uma breve mensagem exibida por um telão.

A governante filipina, Gloria Macapagal Arroyo, expressou sua confiança de que o líder dos EUA mantenha a relação "especial" com a ex-colônia.

A grande preocupação do Governo das Filipinas é que Obama retire os 1.200 soldados americanos desdobrados desde 2002 no sul do arquipélago, como ajuda às forças locais em seu combate contra os rebeldes muçulmanos.

O chefe de Governo tailandês, Abhisit Vejjajiva, afirmou que seu país sempre será um firme aliado de Washington e está pronto para cooperar estreitamente com Obama.

Já o vice-primeiro-ministro da Malásia, Najib Razak, confia que Obama adote uma estratégia mais de diálogo para resolver problemas.

"Temos a esperança de que os EUA contem com outros países em suas políticas e não atuem de maneira unilateral", afirmou.

Em Cingapura, o presidente S. R. Nathan disse esperar um fortalecimento das relações bilaterais e esperar a visita de Obama na cúpula do Fórum de Cooperação Ásia-Pacífico (Apec), que acontece em novembro no país. EFE csm/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG