Os três principais dirigentes da oposição iraniana anunciaram participação em uma grande manifestação pró-palestina na próxima sexta-feira em Teerã, onde as autoridades já advertiram contra qualquer protesto em relação ao governo de Mahmud Ahmadinejad.

Mir Hosein Musavi, segundo colocado na eleição presidencial de 12 de junho, atrás apenas de Ahmadinejad, o reformista Mehdi Karubi, também candidato derrotado, e o ex-presidente Mohammad Khatami anunciaram presença na manifestação.

O evento acontecerá por ocasião do dia anual de Qods (Jerusalém) decretado pelo aiatolá Khomeini no início da revolução islâmica, em 1979.

Esta será a primeira grande manifestação desde que milhares de pessoas desafiaram o governo e saíram às ruas em 9 de julho para recordar a revolta estudantil de 1999.

O presidente ultraconservador Ahmadinejad deve discursar na ocasião.

Os opositores não revelaram se pretendem aproveitar a oportunidade para protestar contra a vitória de Ahmadinejad.

fpn-jds.tp.mc/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.