Líderes da Alba assinam acordo sobre segurança alimentar

Cuba, Bolívia, Nicarágua e Venezuela assinaram um acordo de cooperação em termos de soberania e segurança alimentar, em uma reunião de cúpula extraordinária da Alternativa Bolivariana para as Américas (Alba), anunciou nesta quarta-feira o presidente venezuelano Hugo Chávez.

AFP |

O encontro inesperado foi convocado por Chávez na véspera para esta quarta-feira, na Venezuela, para abordar a crise política enfrentada pela Bolívia.

"A mim me ocorreu convocar uma reunião extraordinária da Alba. A Bolívia está a ponto de explodir e é o império que quer que a Bolívia exploda (...) é a direita fascista que quer a guerra, que quer derrubar o presidente Evo Morales", denunciou o líder venezuelano.

Além de Chávez e Morales, participam no encontro o presidente da Nicarágua, Daniel Ortega, e o vice de Cuba, Carlos Lage.

Morales enfrentará no dia 4 de maio um referendo convocado por seis regiões, lideradas pela próspera Santa Cruz - que busca aprovar seu estatuto de governo autônomo -, mas seu governo classifica a consulta de ilegal e separatista.

A situação preocupa países como Brasil, Colômbia e Argentina, que estão fazendo gestões para aproximar as partes, assim como emissários de organismos internacionais como OEA e UE foram enviados com o mesmo objetivo.

A Alba surgiu em dezembro de 2004 por iniciativa de Cuba e Venezuela como contraposição à Área de Livre Comércio das Américas (Alca), impulsionada por Washington.

vf/cn/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG