Líder ucraniano viaja a Tbilisi para se reunir com Saakashvili

Kiev, 12 ago (EFE).- O presidente da Ucrânia, Viktor Yushchenko, viaja hoje a Tbilisi para se reunir com o líder georgiano, Mikhail Saakashvili, e exercer papel de mediador no conflito com a Rússia, informou o Ministério de Assuntos Exteriores ucraniano.

EFE |

"Yushchenko viajará com urgência a Tbilisi. O trabalho diplomático de diferentes líderes e representantes de organizações internacionais não deu resultado até o momento", afirma o comunicado emitido pela Chancelaria ucraniana.

Segundo a nota oficial, "o objetivo da missão (de Yushchenko) é reunir-se com o democraticamente eleito presidente georgiano (Saakashvili) e seu Governo e frear a trágica evolução dos acontecimentos" na região.

"As ações militares russas ultrapassaram os limites da zona de conflito e se estendem a outras regiões da Geórgia (...), violando a soberania e a integridade territorial de um Estado independente", acrescenta.

Yushchenko, um dos principais aliados de Saakashvili na região, e os líderes polonês e lituano já propuseram o envio de uma missão internacional de paz para o Cáucaso liderada pela União Européia (UE), tão logo seja obtido um cessar-fogo. EFE bk-io/fr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG