Líder ortodoxo pede que russos superem crise financeira

Moscou, 27 dez (EFE).- O metropolita Kiril, o líder provisório da Igreja Ortodoxa Russa (IOR), felicitou hoje os russos por ocasião do Ano Novo, e desejou que eles superem a crise financeira e conservem seu nível de vida em 2009.

EFE |

"Deus permita que as difíceis circunstâncias, em particular na economia, não reduzam o nível de vida de nossa gente", declarou Kiril, guardião do trono da Igreja Ortodoxa após a morte do patriarca Alexei II.

O líder religioso falou também sobre os temores de protestos em massa da população devido às crescentes dificuldades econômicas na Rússia, e pediu que a crise "não altere o atual estado bastante consolidado da sociedade".

Além disso, desejou que 2009 "seja o ano de solução de todos estes problemas", mas lembrou que a felicidade depende não só dos "bens materiais", e sim também dos "fatores espirituais, que determinam o estado da alma e trazem o conforto interno".

"A economia pode ser mais ou menos desenvolvida, as condições de vida podem ser mais ou menos confortáveis, mas a qualidade da vida do homem é definida pelo estado de sua alma: se no coração reina a paz e a alegria, aí está a felicidade", ressaltou. EFE si/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG