Líder opositor ameaça derrubar Governo canadense por seguro-desemprego

Toronto (Canadá), 15 jun (EFE).- O líder do Partido Liberal, Michael Ignatieff, ameaçou hoje provocar a queda do Governo nesta sexta-feira se o primeiro-ministro canadense, o conservador Stephen Harper, não aceitar modificar o sistema de seguro-desemprego do país.

EFE |

Ignatieff disse hoje que Harper tem que responder de forma satisfatória às reivindicações da oposição se quiser evitar a queda do Governo e a convocação de eleições antecipadas para os próximos meses.

O Partido Liberal quer que o Governo mude de forma imediata o sistema de seguro-desemprego para que qualquer canadense possa receber pagamentos se trabalhou pelo menos 360 horas durante as 52 semanas anteriores.

Atualmente, a quantidade de horas mínimas necessárias para se qualificar depende do lugar de residência do trabalhador.

Na sexta-feira está prevista a votação de uma atualização do orçamento geral do Estado e o Partido Conservador de Harper precisa da abstenção ou dos votos a favor de deputados da oposição para garantir sua aprovação.

Os outros dois partidos da oposição, o social-democrata Novo Partido Democrático (NPD) e o defensor da soberania Bloco Quebequense (BQ) já anunciaram que votarão contra, por isso que se o Partido Liberal de Ignatieff também se opuser, Harper será obrigado a apresentar sua renúncia como primeiro-ministro.

O Partido Conservador governa em minoria desde outubro de 2008, com 143 deputados dos 308 da Câmara dos Comuns do Parlamento canadense.

O Partido Liberal conta com 77 cadeiras, enquanto o NPD soma 36 e o Bloco Quebequense, 49. EFE jcr/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG