Líder norte-coreano é alvo de piadas no Twitter

Eu faço amor melhor que James Bond, afirma o presidente norte-coreano Kim Jong-Il em uma mensagem divulgada no site de microblogs Twitter... só que não se trata do verdadeiro líder norte-coreano, e sim de um gaiato que se apropriou de sua identidade.

AFP |

"Os fiéis patriotas devem estar prontos para morrer por seu líder", afirma o falso presidente em outra mensagem, que utiliza a conta @the_king_jong_il.

O roubo de identidade é um flagelo para a plataforma de microblogs, que teve que fechar recentemente uma conta falsamente atribuída ao líder espiritual tibetano Dalai Lama.

Da mesma forma, em abril foi aberta uma conta (@kcna_dprk) com o nome da agência de notícias oficial norte-coreana KCNA, que é acompanhada por 4.500 pessoas.

Essa conta foi aberta por um indivíduo que se define como "humorista e jornalista" e reproduz informações verdadeiras da agência norte-coreana.

A agência de notícias sul-coreana Yonhap recentemente indicou que o @kcna_dprk era obra de "militantes independentes", da organização Repórteres Sem Fronteiras (RSF) e do site de humor alemão stupidedia.org, criado seguindo o modelo da enciclopédia on-line Wikipedia.

A organização com sede em Paris negou que está por trás dessa conta. Em uma troca de mensagens com a AFP, o criador, que não se identificou, simplesmente respondeu: "Não pertenço à stupidedia.org, mas escrevi quatro artigos para esse wiki".

O Twitter estabeleceu um processo de autenticação de seus usuários, em particular para o caso das celebridades.

Lançado em agosto de 2006, o site permite a seus usuários enviar mensagens limitadas a 140 caracteres, conhecidos como "tweets", a todas as pessoas acrescentadas como seus "seguidores".

cl/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG