Líder norte-coreano celebra aniversário do partido comunista

Kim Jong-Il apareceu ao lado do filho e possível sucessor em desfile militar, o maior evento público na Coreia do Norte

EFE |

O líder norte-coreano, Kim Jong-il, e seu filho mais novo e provável sucessor, Kim Jong-un, assistiram hoje a um grande desfile militar em Pyongyang para comemorar os 65 anos da fundação do Partido dos Trabalhadores, informou a agência sul-coreana "Yonhap".

AP
Kim Jon-Un (D) apareceu ao lado do líder norte-coreano, Kim Jong-Il (E)
A presença de Kim Jong-un foi a sua primeira em um ato público de corte militar desde se consolidar, há menos de duas semanas, como o possível herdeiro político de seu pai à frente do país comunista.

O desfile foi transmitido ao vivo pela televisão norte-coreana, com imagens que mostravam o líder norte-coreano com seu filho à direita contemplando o desfile na praça Kim Il-sun.

Antes de assistir a esse evento, ambos visitaram o Palácio comemorativo de Kumsusan, também em Pyongyang, acompanhados de importantes nomes do partido e membros da cúpula militar, para render uma homenagem diante do túmulo de Kim Il-sung, o "grande líder" e fundador do país comunista, indicou a Yonhap.

O desfile militar de hoje é o maior evento público na Coreia do Norte desde a reunião extraordinária do partido.

Kim Jong-il chegou ao poder na Coreia do Norte em 1994, após a morte de seu pai, Kim Il-sung, o fundador do único regime comunista hereditário do mundo. Desde então, governou o país com mão de ferro e o transformou em um regime nuclear, apesar de uma economia destroçada e de graves crises de fome entre a população.

*Com EFE

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG