bom senso - Mundo - iG" /

Líder democrata-cristão comemora vitória do bom senso

Lisboa, 27 set (EFE).- O líder democrata-cristão do Centro Democrático Social-Partido Popular (CDS-PP), Paulo Levas, comemorou a vitória do bom senso e a clareza nas eleições legislativas portuguesas de hoje, que deixaram seu partido como a terceira força política do país com mais de 10% dos votos.

EFE |

"O povo retirou a maioria absoluta de Sócrates (Partido Socialista), que perdeu mais de 500 mil votos. O país censurou a arrogância e prepotência dessa maioria", realçou Levas, cujo partido, o CDS-PP, alcançou 21 assentos parlamentares frente aos 12 da última legislatura.

O líder conservador assegurou que sua legenda cumpriu "todos" os objetivos que tinham colocado antes do pleito e destacou que espera corresponder com a confiança recebida por parte dos eleitores, sobretudo dos mais jovens.

"O resultado de hoje é o melhor do CDS nos últimos 26 anos. Temos 180 mil votos mais que nos últimos pleitos legislativos. Nos transformamos em um verdadeiro partido nacional", sentenciou o ex-ministro da Defesa.

O CDS-PP, a força mais à direita no arco parlamentar luso, pode ser um partido "dobradiça", já que o PS do atual primeiro-ministro, José Sócrates, conseguiu uma maioria relativa e vai precisar pactuar para governar. EFE atc/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG