Líder democrata leva tiro na sede do partido no Arkansas, EUA

WASHINGTON (Reuters) - O presidente do Partido Democrata do Estado norte-americano do Arkansas foi ferido a tiros na sede estatal do partido na cidade de Little Rock, informaram a imprensa local e fontes policiais nesta quarta-feira. Uma fonte da polícia que não quis se identificar disse que Bill Gwatney foi baleado três vezes por um homem que entrou em seu escritório, confirmando informações da televisão.

Reuters |

A vítima estava em estado grave, disse o tenente da polícia Terry Hastings à CNN. Hastings não revelou a identidade do homem ferido.

O site ArkansasOnline também identificou o homem como Gwatney e disse que seu estado de saúde era desconhecido.

Segundo a imprensa local, o agressor dirigia uma caminhonete e foi baleado por policiais depois de uma perseguição em alta velocidade, e estava sendo atendido por funcionários de uma equipe de emergência.

(Reportagem de Steve Barnes e Erwin Seba)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG