Líder comunista russo pedirá a Obama suspensão do bloqueio a Cuba

Moscou, 4 jul (EFE).- O líder do Partido Comunista da Rússia, Gennady Zyuganov, antecipou hoje que pedirá ao presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, que suspenda o vergonhoso bloqueio a Cuba.

EFE |

"Tenho um tema de caráter individual: é preciso suspender o vergonhoso bloqueio americano a Cuba", disse Zyuganov à imprensa, ao responder a uma pergunta sobre que assuntos colocará a Obama na reunião que o chefe de Casa Branca terá com líderes opositores russos durante sua visita a Moscou, que começa na próxima segunda-feira.

O líder dos comunistas russos fez estas declarações em um recesso do plenário do Comitê Central de sua formação, realizado na localidade de Moskovski, nos arredores da capital russa.

Afirmou que os EUA devem modificar sua política externa e, em particular, renunciar à ampliação da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

"A ampliação da Otan é um assunto-chave, pois de que redução de armamento pode se falar se o bloco atlântico tem intenções de continuar se ampliando?", acrescentou Zyuganov, citado pela agência "Interfax".

Ao mesmo tempo, o dirigente comunista se pronunciou a favor de uma melhora nas relações entre Moscou e Washington, e opinou que Obama tem uma "oportunidade histórica" para favorecê-las. EFE bsi/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG