Líder checheno declara apoio à independência de Abkházia e Ossétia do Sul

O presidente pró-Rússia da Chechênia, Ramzan Kadyrov, declarou-se favorável nesta segunda-feira à independência da Abkházia e da Osséia do Sul, regiões separatistas da Geórgia, afirmando que esta é uma questão de vida ou morte.

AFP |

"A Ossétia do Sul e a Abkházia são sistematicamente submetidas à agressão da Geórgia e têm o direito da autodeterminação. Para eles, é uma questão de sobrevivência, de vida ou morte, e ninguém tem o direito de levar povos à beira da extinção", disse Kadyrov, citado pela agência de notícias Interfax.

"Caso seja reconhecida a independência da Abkházia e da Ossétia do Sul, a paz e a estabilidade estarão garantidas no Cáucaso", argumentou Kadyrov, que lutou contra as forças federais na primeira guerra russo-chechena, no início dos anos 90, mas se aliou ao Kremlin junto com seu pai, Ahmed, na segunda guerra chechena, em 1999.

cal/ap/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG