Líbio Al-Megrahi aparece pela primeira vez no hospital

Abdelbaset al-Megrahi, o líbio condenado à prisão perpétua pelo atentado de Lockerbie e libertado pela Escócia por razões de saúde, apareceu em público pela primeira vez nesta quarta-feira em um hospital de Trípoli.

AFP |

Al-Megrahi, de 57 anos e portador de um câncer terminal, apareceu durante alguns minutos junto a 150 membros do Parlamento africano que foram visitá-lo. Ele se encontrava numa cadeira de rodas, tossia muito e parecia muito doente, segundo as imagens.

Libertado em 20 de agosto, o líbio foi hospitalizado no início de setembro no Centro Médico de Trípoli.

Segundo o presidente do Parlamento da União Africana (UA), Idrid Ndele Musa, a visita serviu para expressar solidariedade a Megrahi, "vítima de uma injustiça internacional".

A libertação de Al-Megrahi provocou uma onda de críticas, especialmente nos Estados Unidos, de onde procedia a maioria das 270 vítimas do atentado.

Ele foi condenado em 2001 pela explosão de um avião da Pan Am em 1988, quando sobrevoava o povoado escocês de Lockerbie.

ila/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG