Libertado autor de site sobre reformas e presos políticos na Arábia Saudita

Riad - As autoridades sauditas puseram em liberdade o autor de um site saudita detido há quatro meses, após divulgar na internet vários artigos sobre os presos políticos e a reforma no reino wahhabista, confirmou hoje o site saudita Elaf.

EFE |

O Ministério do Interior não comentou esta notícia, apesar da mulher de Fouad al-Farhan ter confirmado sua libertação, o "Elaf".

Farhan, cujo site que leva seu nome é famoso na Arábia Saudita e em outros países árabes do Golfo Pérsico, foi detido em dezembro do ano passado, poucos dias após ter divulgado uma mensagem na internet, no qual afirmava que esperava ser detido por suas opiniões.

O porta-voz do Ministério do Interior, general Mansur al-Turki, confirmou em janeiro a detenção, e disse que Fahran "não enfrenta nenhuma acusação relacionada com a segurança", sem precisar, no entanto, os motivos do seu confinamento, segundo informou na época o jornal saudita "Arab News".

    Leia tudo sobre: arábia sauditasite

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG