Lésbicas de 67 anos se casam na Argentina

BUENOS AIRES - Um casal emocionado de lésbicas, ambas de 67 anos, celebrou seu casamento nesta sexta-feira na Argentina, na primeira união entre mulheres no país. Juntas há três décadas, Ramona Arévalo e Norma Castillo receberam com emoção o documento matrimonial entregue pela Justiça após a apresentação de um recurso de amparo para que a união fosse legalmente autorizada.

Reuters |

EFE
Norma Castillo e Ramona Arévalo exibem a certidão de casamento
Norma Castillo e Ramona Arévalo exibem a certidão de casamento

"Isso não é nada menos que nossa inclusão no mundo. Os regimes não nos haviam permitido até agora expressar o mais lindo que há no ser humano, que é o amor", disse a jornalistas Ramona Arévalo, após o casamento. "Sabe o que é poder gritar e poder dizer?", acrescentou.

O casamento foi o terceiro entre homossexuais celebrado na Argentina. O casal havia apresentando o recurso legal durante uma campanha organizada pela Federação Argentina de Lésbicas, Gays, Bissexuais e Trans (FLGBT).

EFE
Norma Castillo e Ramona Arévalo se beijam após cerimônia em Buenos Aires
Norma Castillo e Ramona Arévalo se beijam após cerimônia em Buenos Aires

"Não queria desaparecer desta vida sem que se reconhecesse este amor que dura mais de 30 anos", disse Castillo antes de abraçar sua parceira durante uma entrevista à imprensa.

(Reportagem de Guido Nejamkis)

    Leia tudo sobre: argentinacasamento gaylesbicas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG