Legislativo do Equador condena processo de dívida dos últimos 30 anos

Quito, 28 nov (EFE).- A Comissão Legislativa e de Fiscalização do Equador condenou hoje o endividamento público dos últimos 30 anos do país e exortou entidades judiciais a empreender ações para encontrar os responsáveis e emitir sanções, informou hoje essa instituição.

EFE |

A condenação, que foi aprovada com 58 votos, surge uma semana depois que a Comissão para a Auditoria Integral de Crédito Público, criada pelo Governo, anunciou que existem supostamente lances de dívida "ilegal" e recomendou ao Estado não pagar esses créditos.

A Comissão Legislativa "condena aquelas formas que significarem um manejo do endividamento público lesivo para os interesses do povo equatoriano e que beneficiaram determinados grupos financeiros nacionais e internacionais (...)", cita o texto dessa organização.

EFE jc/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG