Legado de Ted Kennedy é lembrado em votação da reforma da saúde

O legado do senador Edward Kennedy pesou sobre o Senado dos Estados Unidos nesta quinta-feira, durante a votação da reforma da saúde proposta pelo presidente Barack Obama, quando seus companheiros democratas aprovaram o texto, que foi uma das causas de sua vida.

AFP |

"Com a voz explosiva do senador Ted Kennedy em nossos ouvidos - com sua paixão em nossos corações - dizemos, como ele disse: o trabalho continua, a causa persiste", declarou Harry Read, líder da maioria democrata no Senado, no último discurso antes da histórica votação que aprovou por 60 a 39 a reforma do sistema de saúde americano.

A dramática votação, nas primeiras horas da manhã da véspera de Natal, encerrou meses de acalorados debates que opuseram congressistas, até que Reid conseguisse finalmente convencer os 58 democratas e dois independentes a apoiar o texto da reforma.

"Ele está tendo um feliz Natal no paraíso", disse o senador Paul Kirk, que assumiu como interino de Ted Kennedy no Senado após sua morte, em agosto, depois de uma longa batalha contra um câncer no cérebro. "É o momento do qual tenho mais orgulho em minha vida pública".

Kirk declarou-se "profundamente emocionado" ao votar no lugar de Kennedy, ajudando a aprovar a versão do Senado da legislação que pretende ampliar a cobertura de saúde para 31 dos 36 milhões de americanos que atualmente não contam com assistência médica.

Conhecido como "o leão do Senado", Ted Kennedy teve o nome ecoado nos corações e mentes da maioria dos congressistas reunidos para votar o texto da reforma nesta quinta-feira.

A viúva de Kennedy, Vicki, estava nas galerias do Senado para acompanhar a votação. Pouco antes das 07H00 (12H00 GMT), quando a votação começou, lágrimas encheram seus olhos.

"Senhor presidente, este é por meu amigo Ted Kennedy", disse o senador Robert Byrd, parlamentar há mais tempo em serviço dos Estados Unidos, ao expressar seu voto a favor da reforma.

Depois da sessão, Vicki Kennedy estimou que seu marido deve estar "radiante" no além com o resultado da histórica votação.

oh/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG