Lavrov exige que acordo de desarmamento deve levar em conta planos dos EUA

Moscou, 20 mai (EFE).- O ministro de Assuntos Exteriores russo, Serguei Lavrov, afirmou hoje que o novo acordo de desarmamento negociado por Rússia e Estados Unidos deve levar em conta todos os planos norte-americanos de desenvolvimento de sistemas de mísseis estratégicos.

EFE |

Lavrov disse que o novo acordo de redução de arsenais nucleares que substituirá o Tratado de Redução de Armas Estratégicas (Start, em inglês), que expira em 5 de dezembro, deve ser baseado no princípio de "igual segurança" para ambas as partes.

Segundo o chanceler russo, este objetivo não poderá ser atingido sem levar em conta o escudo antimísseis dos EUA, a possibilidade de utilizar armamento no espaço e os planos de desenvolver cargas não nucleares para os mísseis balísticos intercontinentais.

O ministro assinalou que todos estes fatores deverão ser levados em conta nas negociações que especialistas russos e americanos realizam hoje pelo segundo dia consecutivo em Moscou para apresentar suas propostas sobre o futuro acordo, segundo a agência "Interfax".

As negociações de desarmamento são um elemento-chave da intenção do presidente americano, Barack Obama, de "reiniciar" as tensas relações entre Rússia e EUA e fortalecer a segurança global e o controle dos armamentos.

O Governo russo sustenta que deve ficar excluída toda possibilidade de implantação de armas ofensivas estratégicas fora dos territórios nacionais. Com isso, o polêmico escudo antimísseis americano não poderia ser instalado na Europa do Leste.

Obama parou temporariamente com esse plano, impulsionado pela anterior Administração apesar dos protestos da Rússia, a fim de revisar sua viabilidade e custos.

O diplomata expressou a esperança de que Obama e o presidente russo, Dmitri Medvedev, quando se reunirem em julho em Moscou, aprovem as propostas e decisões estipuladas para então nas negociações de desarmamento. EFE si/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG