Kuwait vai às urnas escolher Parlamento

Cairo, 17 mai (EFE).- Os eleitores do Kuwait começaram esta manhã a escolher nas urnas os 50 deputados da nova Assembléia Nacional (Parlamento), informou a agência local de notícias Kuna.

EFE |

Os colégios eleitorais deste emirado foram abertos às 8h (3h de Brasília) no segundo pleito que contará com a participação das mulheres, e no qual os islamitas e os candidatos das tribos têm as maiores possibilidades de conseguir a maioria das cadeiras.

Segundo dados do Ministério do Interior, 361.684 cidadãos votarão hoje neste pequeno, mas rico país petroleiro. O número de candidatos chega a 275, entre eles 27 mulheres.

O Parlamento do Kuwait é o único eleito democraticamente nos seis países do Conselho de Cooperação do Golfo (CCG) Pérsico, integrado também por Arábia Saudita, Catar, Omã, Barein e Emirados Árabes Unidos, que só têm conselhos consultivos sem poder legislativo.

A Câmara anterior, dominada pelos deputados islamitas e tribais, foi dissolvida em 19 de março pelo emir do Kuwait, xeque Sabah al-Ahmad Al-Sabah, após uma crise entre os poderes Legislativo e Executivo, e que levou à renúncia do Governo dois dias antes.

As mulheres, que obtiveram o direito a votar e de se candidatar em maio de 2005, representam 56% do eleitorado, mas nenhuma delas conseguiu uma cadeira nas últimas eleições, realizadas em 2006. EFE aj/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG