Moscou, 1 fev (EFE).- O metropolita de Smolensk e Kaliningrado, Kiril, foi entronizado hoje como o 16º patriarca da Igreja Ortodoxa Russa (IOR) durante uma cerimônia celebrada na Catedral de Cristo Salvador de Moscou.

"Axios, Axios, Axios!" (Digno, Digno, Digno!), gritaram os clérigos presentes no templo após a entronização de Kiril, que substitui o recentemente falecido Alexei II.

Participaram do ato o presidente russo, Dmitri Medvedev, o primeiro-ministro, Vladimir Putin, vários líderes estrangeiros e representantes do Vaticano.

Kiril foi eleito patriarca da IOR na terça-feira passada pelo concílio geral da Igreja Ortodoxa, organismo integrado por mais de 700 religiosos e seculares.

Segundo a imprensa russa, Kiril é um firme partidário do ecumenismo, da mesma forma que o papa romano, Bento XVI, com o qual se reuniu no Vaticano em 2007, o que alimentou as esperanças de que ambas as igrejas superem o cisma que as separa desde 1054. EFE io/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.