O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, reiterou nesta sexta-feira seu compromisso em favor das fontes de energia alternativa, ao usar um táxi solar, veículo que funciona exclusivamente com energia solar, para ir de sua casa até seu escritório.

Ki-moon percorreu a distância entre sua residência e a sede das Nações Unidas em cerca de dez minutos, passando pelas ruas de Manhattan, em Nova York.

O táxi solar, que pelo tamanho reduzido e por seu formato lembra um "smart car", embora funcione com baterias solares, é criação do engenheiro suíço Louis Palmer, de 37 anos.

Desde 2007, Palmer viaja pelo mundo com seu veículo para promover as formas não-poluentes de energia. O engenheiro conheceu Ban Ki-moon, em Bali (Indonésia), na última conferência mundial sobre aquecimento global.

Ao chegar à sede da ONU, o secretário-geral saudou "uma iniciativa muito criativa, um meio prático de dar uma solução para nossas necessidades de energia renovável, quando enfrentamos o aquecimento global".

"Devemos encontrar boas soluções em Poznan (Polônia)", completou.

O táxi terminará seu périplo em dezembro, em Poznan, onde será realizada uma conferência ministerial sobre mudança climática, a última antes de um grande encontro sobre o tema em Copenhague.

hc/tt

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.