O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu nesta sexta-feira aos países-membros ajuda para a recuperação da região ucraniana de Chernobyl, 22 anos depois da explosão em sua central nuclear.

Em um comunicado divulgado por ocasião do aniversário, no sábado, do desastre nuclear de Chernobyl, Ki-moon informou que a Assembléia-Geral das Nações Unidas declarou o período 2006-2016 "década de recuperação e desenvolvimento sustentável" para essa região da Ucrânia.

"A ONU fará tudo que puder durante a 'década de recuperação' para apoiar os esforços focados na completa renovação da região", declarou Ban.

O secretário-geral também pediu à comunidade internacional que "apóie, com generosidade, o restabelecimento das zonas afetadas por Chernobyl".

Em 26 de abril de 1986, o reator número 4 da central de Chernobyl explodiu, contaminando a Ucrânia e boa parte da Europa, sobretudo Bielo-Rússia e Rússia, então repúblicas da União Soviética.

Mais de 25.000 trabalhadores que participaram do revestimento com concreto do reator arruinado morreram desde então, segundo estimativas oficiais.

ga/tt/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.