Khamenei diz que EUA são responsáveis por problemas no Iraque

Teerã, 9 jun (EFE).- O líder supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei, responsabilizou hoje a ocupação dos Estados Unidos pelos problemas do Iraque e considerou que a América nunca transformará em realidade seus sonhos no país.

EFE |

Khamenei se encontrou em Teerã com o primeiro-ministro Iraque, Nouri al-Maliki, e reafirmou o apoio da República Islâmica ao Governo do país vizinho, que considerou um "dever religioso", segundo a agência "Irna".

Maliki, que conclui hoje uma visita de três dias ao Irã, tentou acalmar os temores dos iranianos sobre o acordo que Bagdá está negociando com Washington para regularizar a presença militar americana no Iraque após o fim do mandato da ONU no país, em 31 de dezembro.

O regime do Irã, acusado pelos EUA de apoiar grupos radicais xiitas ativos no Iraque, é contra a assinatura por Bagdá do acordo, e exige que Washington estabeleça uma data para a retirada de suas tropas do território iraquiano.

"Os americanos nunca transformarão em realidade seus sonhos no Iraque", declarou Khamenei.

Por sua parte, Maliki reafirmou que o Governo e o Parlamento do Iraque "atuam pela independência do país e aspiram a afiançar a cooperação em todos os âmbitos com a República Islâmica".

O primeiro-ministro do Iraque, que tenta equilibrar suas relações com Washington e Teerã, assegurou às autoridades iranianas que seu Governo não permitirá que o Irã seja atacado a partir do território iraquiano. EFE ri/wr/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG