Kate Winslet: Preocupo-me cada vez menos com o que pensam de mim

Berlim, 26 fev (EFE).- A atriz britânica Kate Winslet, que apareceu nua no cinema em inúmeras ocasiões, afirma que se preocupa cada vez menos com o que pensam dela e que neste tipo de cenas tenta ficar tranquila, assim como as aeromoças quando os aviões atravessam turbulências.

EFE |

Em entrevistas às edições alemãs das revistas "Life&Style" e "Brigitte", a atriz, que acaba de ganhar um Oscar por seu papel em "O leitor", reconhece que não tem nenhum pudor na grande tela: "Não há nada de sexo real. O mais importante é que deve parecer autêntico, sou obsessiva pela perfeição ".

No filme, dirigido por Stephen Daldry, Winslet, de 33 anos, interpreta Hanna Schmitz, uma guarda de um campo de concentração nazista que mantém relações sexuais com um adolescente que é interpretado pelo ator David Kross, de 18 anos.

A atriz compara a filmagem de cenas de nudez com o ato de entrar em um avião, pois afirma que "é como um voo". "Quando as turbulências se tornam mais intensas, enquanto a tripulação não entrar em pânico tudo vai bem", acrescenta.

Quando fez sua primeira cena de nudez, com apenas 18 anos, perdeu o sono durante semanas, confessa. Porém, com os anos se importa cada vez menos com o que podem dizer dela.

Mãe de duas crianças, Winslet afirma que não há nada mais impressionante que dar à luz a um bebê e, que após disto, "perdem-se todos os pudores".

A atriz, que já lutou pelo Oscar por filmes como "Razão e Sensibilidade" (1995), e "Titanic" (1997), teve que esperar até este ano para conquistar a estatueta dourada com sua sexta candidatura por "O leitor", baseada em um romance do alemão Bernhard Schlink, que hoje chega aos cinemas da Alemanha. EFE pb/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG