O prseidente afegão, Hamid Karzai, pediu uma investigação nesta sexta-feira e criticou novamente o exército americano, cujos soldados mataram quatro civis, entre eles duas crianças, além de uma criança no ventre da mãe que estava prestes a dar à luz.

Em um primeiro momento, o exército americano mencionou a morte de quatro rebeldes armados, mas reconheceu, na véspera, que seus soldados mataram quatro pessoas que não eram combatentes durante uma incurso perto de Khost, no leste.

Segundo as autoridades locais, os soldados feriram gravemente uma mulher grávida de nove meses, além de matar outra mulher, seu irmão e duas crianças.

O ministério da Educação posteriormente informou que se tratava de uma professora, sua filha e seu filho adolescente.

Um comunicado anunciou nesta sexta que Karzai ordenou aos ministros do Interior e da Defesa que investiguem os fatos.

shk-br/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.