Karzai lança apelo à paz no último dia do ramadã

O presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, lançou neste domingo um apelo à paz e aos talibãs por ocasião do início das comemorações do Aid el-Fitr, que marca o fim do mês de jejum do ramadã.

AFP |

Karzai, vencedor do primeiro turno da eleição presidencial com 54,6% dos votos, também expressou suas condolências às famílias dos seis soldados italianos mortos quinta-feira em um atentado suicida.

"Mais uma vez, conclamo todos os irmãos afegãos a acabarem com os combates, a pararem de destruir seu próprio país e de matar seus compatriotas", declarou Karzai.

"Eles têm que voltar para casa e viver em paz em seu próprio país", afirmou.

Se sua reeleição for confirmada, Karzai prometeu iniciar negociações com os talibãs, que ganharam força nos últimos meses.

Quase um mês depois da eleição, Karzai foi declarado vencedor já no primeiro turno com 54,6% dos votos, contra 27,8% para seu principal adversário, Abdullah Abdullah. No entanto, em virtude de suspeitas de graves irregularidades, uma comissão independente patrocinada pela ONU ordenou a recontagem de centenas de milhares de votos.

Sábado, o mulá Omar, líder histórico dos talibãs no Afeganistão, afirmou que as tropas estrangeiras conhecerão em breve uma "derrota avassaladora".

lod/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG