morte de 16 civis em bombardeio americano - Mundo - iG" /

Karzai condena morte de 16 civis em bombardeio americano

Cabul, 25 jan (EFE).- O presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, condenou hoje a recente operação militar das tropas americanas que causou a morte de 16 civis perto de Cabul.

EFE |

Num comunicado, Karzai diz que na ofensiva da última sexta-feira, na qual a coalizão liderada pelos Estados Unidos no Afeganistão disse ter matado 15 "insurgentes armados", morreram na verdade civis, entre eles duas mulheres e três crianças.

"Bombardear aldeias afegãs e matar civis não traz progresso algum à luta contra o terrorismo", disse o presidente.

Karzai mais uma vez pediu o fim da morte de civis em operações militares. Além disso, apontou "os ataques descoordenados como um dos fatores que debilitam o Governo afegão e fortalecem os terroristas".

Por conta do ataque americano, a emissora local "Tolo TV" retransmitiu imagens de centenas de aldeões protestanto contra os EUA e Karzai no distrito de Mehtar Lam, onde as mortes aconteceram.

Ontem, o comando militar americano divulgou um comunicado no qual anunciava ter matado 15 supostos talibãs - entre eles uma mulher - e detido um líder fundamentalista "durante uma operação para desmantelar a rede terrorista dos talibãs" na província oriental de Laghman. EFE lo/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG