Karroubi diz que não reconhece vitória de Ahmadinejad

Teerã, 1 jul (EFE).- O candidato reformista iraniano Mehdi Karroubi, um dos três derrotados nas eleições de 12 de junho, afirmou hoje que não reconhece a vitória do presidente Mahmoud Ahmadinejad, apesar da decisão do Conselho de Guardiães de ratificar sua controvertida reeleição.

EFE |

Em carta publicada no site de seu diário "Etemad Melli", o ex-presidente do Parlamento insistiu em que o pleito não é válido e advertiu que não assistirá à cerimônia de posse do líder, já que não reconhecerá seu Governo.

Os Guardiães da Revolução, principal órgão executivo em matéria eleitoral, confirmou esta semana o polêmico resultado eleitoral e lembrou que não há mais vias legais para apresentar alegações.

Além disso, advertiu a todos os candidatos derrotados que eles podem ser julgados caso continuem com seus protestos.

O candidato reformista Mir Hussein Moussavi, também derrotado em 12 de junho, pediu na segunda-feira que a votação seja repetida.

No entanto, ainda não se sabe se derrotados vão adotar algum tipo de medida para continuar o protesto. EFE jm/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG