exagero - Mundo - iG" /

Karadzic diz que número de vítimas de Srebrenica é exagero

Haia, 23 jul (EFE).- O ex-líder servo-bósnio Radovan Karadzic disse hoje perante o Tribunal Penal Internacional para a Antiga Iugoslávia (TPII) que o número de vítimas de Srebrenica contabilizado pelas organizações internacionais é um exagero.

EFE |

Durante uma audiência preparatória de seu julgamento, Karadzic disse que "estamos convencidos de que há um exagero" nesses números "e queremos mostrar a verdade".

O ex-líder servo-bósnio exigiu que sua equipe de defesa receba amostras de DNA das vítimas para "poder estabelecer a verdade".

A teoria de Karadzic, segundo explicou hoje na sala do tribunal, é que muitas das vítimas que foram contabilizadas como mortas de Srebrenica podem ter falecido "em combate ou na floresta", por isso "não podem ser contabilizadas" nesse massacre.

Em julho de 1995, cerca de 8 mil muçulmanos homens foram assassinados durante a ofensiva servo-bósnia na cidade bósnia de Srebrenica, no que se considera um dos maiores massacres depois da Segunda Guerra Mundial.

Tribunais como o próprio TPII ou a Corte Internacional de Justiça (CIJ) estabeleceram em sentenças anteriores que aconteceu um genocídio em Srebrenica.

Contra essa tese, Karadzic disse hoje que "não temos nada claro, tudo tem que ser estabelecido (...) e isso é importante para a Sérvia, para a comunidade muçulmana e para a Europa". EFE mr/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG