Kaddafi, da Líbia, monta tenda nos jardins do Kremlin

MOSCOU (Reuters) - O líder da Líbia, Muammar Kaddafi, ergueu uma tenda em um jardim do Kremlin antes de iniciar conversas com líderes russos neste sábado. Kaddafi deve se encontrar com o presidente russo, Dmitry Medvedev, e o primeiro-ministro Vladimir Putin para negociações que devem focar na venda de armas e o acesso de companhias de energia russas a projetos no Estado do norte da África.

Reuters |

Localizada a alguns metros do prédio onde fica o escritório do presidente russo Dmitry Medvedev, a tenda de estilo militar foi decorada com tecidos norte-africanos, e foi colocada uma grelha de churrasco de metal, informou um repórter da Reuters.

Uma televisão grande, de tela plana, foi instalada dentro da tenda.

Kaddafi, que nasceu em uma tenda de beduínos pastores em 1942, frequentemente recebe visitantes estrangeiros em uma tenda próxima às ruínas de sua residência em Trípoli, que foi destruída em um bombardeio de aeronaves norte-americanas em 1986.

Em uma visita a Paris no último ano para conversas com o presidente francês Nicolas Sarkozy, Kaddafi ergueu sua tenda no jardim da casa de visita presidencial.

A Rússia está acostumada a se adaptar às excentricidades dos seus chefes de Estados visitantes.

Em 2001, o Kremlin realizou uma grande operação logística para que o líder da Coréia do Norte, Kim Jong-Il, que segundo diplomatas tem aversão a viagens de avião, pudesse fazer uma viagem de nove dias até Moscou em seu trem blindado.

(Reportagem de Oleg Shchedrov)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG