Justiça ordena prisão de uruguaia que estrangulou filha de 6 anos

Montevidéu, 11 out (EFE).- A Justiça uruguaia processou e ordenou a prisão da mulher acusada de homicídio especialmente agravado que estrangulou sua filha de seis anos na quinta-feira passada, informaram hoje fontes judiciais.

EFE |

A mulher, cuja identidade se manteve em sigilo, tem 33 anos e morava em uma zona rural no departamento da Flórida, a cerca de 100 quilômetros do noroeste da capital Montevidéu.

Segundo as autoridades, a mãe da menina tinha antecedentes de problemas psiquiátricos, mas a Justiça considerou que ela estava consciente de seus atos e por isso ordenou a prisão.

A agressora relatou a um vizinho que após uma discussão com a filha perdeu o controle e apertou sua garganta até matá-la.

O vizinho avisou a Polícia, que encontrou a menina morta na casa que dividia com sua mãe. EFE jf/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG