Tamanho do texto

A Suprema Corte da Bolívia acatou o pedido de habeas corpus apresentado pelo governador de Pando, Leopoldo Fernández, preso por desacato do estado de sítio decretado pelo governo central em setembro passado.

"Declaramos procedente o habeas corpus apresentado pela defesa", assinalou em audiência pública um dos juízes da segunda sala penal do Supremo, dando o prazo de 48 horas para que Fernández seja levado a Sucre, sede do poder judiciário boliviano.

O governador de Pando está detido em La Paz.

Leia mais sobre Bolívia