Justiça alemã liberta líder terrorista

Berlim, 19 dez (EFE).- A justiça alemã pôs hoje em liberdade vigiada, após quase 26 anos de prisão, Christian Klar, considerado o líder da chamada segunda geração da organização terrorista Fração do Exército Vermelho (RAF, em alemão).

EFE |

Klar, de 56 anos, foi solto de maneira antecipada da prisão de Bruchsal, perto de Stuttgart, apesar de que sua libertação oficial deveria acontecer a partir do próximo dia 3 de janeiro, quando cumpriria 26 anos de reclusão.

O ex-terrorista foi condenado à prisão perpétua por vários assassinatos cometidos nos anos 70, entre eles o do promotor Friedrich Buback e do banqueiro Jurgen Punto, assim como pelo seqüestro e execução do presidente de uma patronal alemã, Martin Schleyer. EFE jcb/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG