Caso da Mala - Mundo - iG" /

Juíza adia sentença de empresário venezuelano envolvido no Caso da Mala

Miami, 12 jan (EFE).- A juíza Joan Lenard concordou hoje em adiar a condenação do empresário venezuelano Franklin Durán, considerado culpado por conspirar e atuar nos Estados Unidos como um agente do Governo da Venezuela no chamado Caso da Mala, que também atingiu a presidente da Argentina, Cristina Fernández de Kirchner.

EFE |

A juíza adiou a sentença devido às objeções apresentadas pelo advogado de Durán sobre as condições de segurança do empresário venezuelano no cumprimento da pena. EFE so/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG