Bogotá, 19 nov (EFE).- Um juiz da Colômbia ordenou hoje a captura de sete diretores da empresa captadora de dinheiro DMG, entre eles seu fundador e principal diretor, David Múrcia Guzmán, informaram emissoras locais.

Os diretores da DMG, firma que sofreu intervenção do Governo na segunda-feira após arrecadar milionárias contribuições, que se expandiu ao Panamá e a outros países, foram acusados dos crimes de comum acordo para delinqüir, fraude e enriquecimento ilícito, afirmou a emissora "La W", de Bogotá. EFE gta/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.