Jonathan May-Bowles jogou espuma no rosto do magnata durante sessão no Parlamento e é acusado de perturbação da ordem pública

O jovem que atirou uma torta de espuma de barbear no rosto do magnata Rupert Murdoch se declarou culpado durante uma audiência judicial nesta sexta-feira.

Jonathan May-Bowles, um comediante de 26 anos conhecido como Jonnie Marbles, atacou o dono da News Corporation quando ele prestava depoimento ao Parlamento britânico sobre o escândalo de escutas ilegais do extinto tabloide News of the World.

"Nunca me senti tão comovido em toda a minha vida", afirmou o comediante ao deixar o tribunal, repetindo uma frase dita por Murdoch no início de seu depoimento ao Parlamento britânico. Acusado de perturbação da ordem pública, May-Bowles ouvirá a decisão judicial sobre seu caso em 2 de agosto.

Segundo o blog do jornal The Guardian, May-Bowler segurava uma torta feita com espuma de barbear e a jogou contra o rosto do magnata. Em resposta, a mulher de Murdoch, Wendi Deng , se impôs e agrediu o homem.

Um repórter do Guardian descreveu a ação da mulher de Murdoch no Twitter dizendo: "Wendi pode dar um belo soco." Depois que a sessão foi retomada, Murdoch apareceu sem o paletó, em uma indicação de que sua roupa ficou suja após o ataque.

As imagens de Wendi Deng defendendo o marido provocaram manifestações de orgulho na China , onde ela nasceu. O vídeo de Wendi, que tem nacionalidade americana, foi amplamente discutido por chineses em fóruns online e redes sociais.

"Na hora de proteger seus filhos os maridos, as mulheres chinesas se transformam em tigres", afirmou um internauta em um fórum do site Sina. "Murdoch deve estar comovido: Wendi protegeu sua dignidade", afirmou outro usuário.

Outros compararam a força e a energia de Wendi, que é ex-jogadora de vôlei, às da primeira-imperatriz do país, Wu Zetian, célebre por ter se imposto em uma sociedade então dominada por homens. No fórum Sohu, um usuário declarou que "as mulheres chinesas são as melhores esposas".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.