Jovem Kennedy se lança na política dos EUA

Joe Kennedy, 31, anunciou sua intenção de se candidatar ao congresso, podendo trazer de volta à política o seu clã mais notável

iG São Paulo |

Joseph Kennedy 3º está dando seus primeiros passos para lutar por uma cadeira na Câmara de Representantes dos Estados Unidos e devolver à essa dinastia de políticos sua influência em Washington. Joe Kennedy, 31 anos, deixará de trabalhar como assistente de promotoria nos arredores de Boston e até já formou um comitê que o ajudaria a brigar pela vaga de Barney Frank, parlamentar que acaba de se aposentar.

Leia também: Abrigo nuclear de Kennedy guarda história da Guerra Fria

© AP
Imagem de 1962 mostra o então presidente dos EUA John F. Kennedy durante reunião sobre a crise dos mísseis

"Quero anunciar a intenção de me apresentar como candidato ao congresso dos Estados Unidos por Massachusetts", afirmou o neto do ex-candidato presidencial assassinado Robert F. Kennedy em comunicado.

"Minha decisão se fundamenta em um profundo compromisso com o serviço público e em minha vontade - tanto em nível pessoal como familiar - de enfrentar desafios para encontrar soluções justas, práticas e bipartidárias", disse Joe.

Ele já começou a formar um comitê, um passo necessário que permitirá a ele começar a arrecadar dinheiro para um eventual campanha, informou o jornal Boston Globe.

As gerações mais jovens dos Kennedy se recusaram a seguir os passos do ex-presidente John Kennedy e de seu irmão, Robert Kennedy. Em 2009, o senador Ted Kennedy morreu, e em 2011, Patrick Kennedy renunciou a seu mandato por Rhode Island na Câmara dos Representantes, terminando com uma presença de 63 anos da família na política americana.

Joseph Kennedy 3º fala espanhol fluentemente e é formado nas universidades de Stanford e Harvard, segundo sua biografia divulgada no site da promotoria de Middlesex, Massachusetts.

Seu chefe até quinta-feira, o promotor Gerry Leone, divulgou uma breve mensagem em uma rede social para lhe desejar sorte. "espeito e admiro o desejo de Joe de servir os cidadãos do Quarto Distrito do Congresso e estou confiante que, se o elegermos, trabalhará com o mesmo compromisso e a distinção com que o fez para os cidadãos do condado de Middlesex", assinalou Leone.

O clã Kennedy, família de origem irlandesa e, em sua maioria, democrata, é uma das dinastias políticas mais famosas e, também, mais trágicas do mundo. O tio-avô de Joe, o ex-presidente americano John F. Kennedy (1917-1963), começou a carreira política como congressista por Massachusetts em 1946 e, chegando à Casa Branca, em 1961; foi assassinado em circunstâncias misteriosas em Dallas, Texas, sul dos EUA.

Seu irmão mais novo Robert "Bobby" Kennedy, senador e candidato à presidência pelo Partido Democrata, também foi assassinado em 1968. Outros membros da família conheceram um final trágico, com mortes violentas ou acidentes.

Com EFE e AFP

    Leia tudo sobre: kennedyjoe kennedyrobert kennedyeua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG