Jovem é condenado à morte por matar bebê na China

XANGAI - Um jovem de 21 anos foi condenado à morte pelo assassinato de um bebê na cidade chinesa de Xangai, informa hoje o jornal local Shanghai Daily.

EFE |

A Justiça de Xangai condenou à morte Tang Shuhong por seqüestrar a filha de um antigo companheiro de trabalho e estrangulá-la depois, por medo de que alguém ouvisse o choro do bebê, de 14 meses, e lhe detivessem.

Tang seqüestrou o recém-nascido para chantagear seu antigo colega e conseguir o dinheiro que precisava para voltar visitar sua casa, situada na província de Shandong (nordeste), durante o Festival de Primavera, a festividade mais importante da China.

No entanto, Shuhong ficou nervoso porque o bebê não parava de chorar e acabou o matando.

Depois, jogou o corpo do bebê em um rio e tentou mais uma vez chantagear o pai para que lhe desse 30 mil iuanes (US$ 4.392).

Leia mais sobre China

    Leia tudo sobre: china

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG