Jovem brasileiro simula sequestro para pedir resgate na Argentina

O jovem brasileiro identificado como Bruno Santos dos Santos, residente em Buenos Aires, que fingiu ter sido sequestrado, foi detido com seus dois cúmplices quando tentavam sacar o dinheiro do resgate, disse nesta quinta-feira uma fonte policial.

AFP |

Bruno Santos dos Santos, 25 anos, era estudante de medicina em uma faculdade privada da capital argentina, mas desde outubro passado não comparecia às aulas nem pagava as mensalidades da instituição de ensino, afirmou à imprensa uma fonte da Divisão Antisequestro da Polícia Federal.

O falso sequestro foi denunciado às autoridades argentinas por um tio de Bruno, que viajou a Buenos Aires para intermediar a negociação com os supostos sequestradores.

O próprio jovem ligou para a família dizendo que estava sendo refém e pediu o envio do dinheiro para o resgate.

A pedido das autoridades policiais, o pai dele depositou 10.000 reais (4.200 dólares) em uma conta bancária, mas para a surpresa dos investigadores do caso quem foi sacar a soma foi o próprio Bruno, junto com um jovem argentino e outro uruguaio, os dois com antecedentes criminais.

"Este moço, que vem de uma família de boa posição econômica do estado do Mato Grosso, se cercou de pessoas com antecedentes. O argentino que morava com ele tinha passagem pela polícia por roubo e posse de arma e o uruguaio pela lei de drogas", indicou a fonte à agência Telam.

Ao ser interrogado, Bruno Santos dos Santos disse que fingiu ter sido sequestrado porque precisava de dinheiro.

O jovem brasileiro e seus dois cúmplices responderão na justiça por formação de quadrilha e roubo.

lt/lm/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG