José Miguel Insulza é reeleito secretário-geral da OEA

O chileno José Miguel Insulza foi reeleito nesta quarta-feira como secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA) para os próximos cinco anos.

Agência Ansa |

AFP
José Miguel Insulza
O chileno José Miguel Insulza
"Recebo essa decisão com muita humildade, mas também com muita alegria", declarou Insulza, candidato único no pleito realizado em assembleia geral extraordinária na sede do órgão, em Washington.

Momentos antes da reunião, ele recebeu o apoio até mesmo de Venezuela, Equador e Peru, que se inclinavam a não o respaldarem na votação.

"Uma organização hemisférica tem sentido de existir não apenas pela casualidade de estamos todos juntos em um mesmo hemisfério, mas também por compartilharmos um conjunto de valores e ideias, que tratamos de colocar em prática", argumentou Insulza, depois de aceitar o novo mandato.

Em seu discurso, o secretário-geral - que assumiu o posto em 2005 - prometeu "defender a democracia representativa" na América Latina nos próximos cinco anos.

Leia mais sobre OEA

    Leia tudo sobre: oea

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG