Jornalista iraquiano joga sapatos em Bush, mas erra o alvo

Bagdá, 14 (EFE).- Um jornalista iraquiano jogou hoje seus sapatos contra o presidente americano, George W.

EFE |

Bush, durante uma entrevista coletiva realizada em Bagdá junto ao primeiro-ministro iraquiano, Nouri al-Maliki.

Quando Bush se dirigia aos jornalistas foi interrompido na terceira fila pelo correspondente do canal de televisão "Al Baghdadi", que se levantou com um sapato na mão e se o jogou enquanto, aos gritos, chamava de "cão" o presidente americano, que conseguiu se esquivar.

Imediatamente depois, o jornalista iraquiano lhe jogou seu outro sapato - e de novo errou o alvo.

Após o ataque, os membros da equipe de segurança renderam o agressor, o detiveram e o tiraram da sala, segundo testemunhas presentes na entrevista coletiva.

"Este tipo de fato não me preocupa, quem os faz quer chamar a atenção", disse Bush após o incidente.

No Iraque, como em grande parte do mundo árabe, jogar um sapato é uma das maiores ofensas que se pode cometer contra outra pessoa, da mesma forma que chamá-lo "cão". EFE sj-jfu/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG