Jornalista é morto em ataque em Bagdá

Al Seray apresentava programas religiosos e políticos na rede de televisão via satélite

EFE |

Um jornalista iraquiano que trabalha para o canal televisivo estatal "Al Iraqiya" morreu nesta terça-feira pelos disparos de um grupo de homens armados em um bairro do oeste de Bagdá, informaram fontes policiais.

As fontes explicaram que o jornalista Riad Abdel Yabar al Seray foi atacado por criminosos que utilizaram pistolas com silenciadores quando estava em seu carro. Al Seray apresentava programas religiosos e políticos na rede de televisão via satélite.

Segundo números do Sindicato de Jornalistas iraquiano, cerca de 280 jornalistas e correspondentes de diferentes veículos de comunicação morreram no país desde sua invasão e posterior ocupação em 2003.

O atentado desta terça acontece seis dias após que os Estados Unidos deram oficialmente por finalizadas suas operações de combate no Iraque e inauguraram a missão "Novo Amanhecer", centrada na assessoria e formação das Forças de Segurança iraquianas.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG