Jornalista americana recolhe mensagens para próximo presidente do país

Nova York, 20 mai (EFE) - O próximo presidente dos Estados Unidos receberá na sua posse em Washington, em janeiro, centenas de cartas escritas à máquina por uma jornalista com mensagens de cidadãos americanos de diferentes estados. A jornalista americana Sheryl Oring percorre diversas regiões dos EUA com sua máquina de escrever e oferece aos americanos a possibilidade de enviar uma mensagem para o futuro morador da Casa Branca. A iniciativa, chamada por Oring de I Wish to Say (Eu gostaria de dizer), é desenvolvida em ruas, parques e centros universitários. A jornalista explicou à Agência Efe que teve a idéia quando voltou aos EUA em 2003, após ter vivido três anos em Berlim. Na capital alemã, percebeu que os europeus achavam que todos os americanos tinham a mesma opinião sobre a Guerra do Iraque.

EFE |

"Decidi investigar o que os americanos pensavam e essa me pareceu uma boa forma de falar com o povo e conhecer suas opiniões", disse Oring.

Oring já havia realizado uma viagem similar durante a campanha nas eleições de 2004 e dois anos depois, durante o pleito para o Congresso que coincidiu com o 60º aniversário de George W. Bush.

As mensagens recolhidas na viagem de 2006 foram compiladas em um livro lançado no início desse ano. EFE vm/rr/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG