Jordânia pede reunião da Liga Árabe por ataque de Israel a Gaza

A Jordânia pediu a celebração no domingo de uma reunião urgente de ministros árabes das Relações Exteriores para examinar as agressões israelenses à Faixa de Gaza, anunciou o secretário-geral da Liga Árabe, Amer Musa.

AFP |

O rei Abdullah II da Jordânia entrou em contato com os presidentes egípcio, Hosni Mubarak, e palestino, Mahmud Abbas, para "lançar uma iniciativa árabe e internacional destinada a acabar com a agressão israelense", segundo o palácio real.

O líder líbio Muamar Kadhafi conversou neste sábado com vários dirigentes árabes para adotar uma postura "firme e séria" a respeito, segundo fontes oficiais.

Mais de 150 palestinos morreram neste sábado em um ataque aéreo executado por Israel contra o Hamas na Faixa de Gaza.

Israel advertiu que a operação está apenas no início.

O Irã, inimigo jurado do Estado hebreu, também condenou os ataques e pediu uma ação da comunidade internacional.

bur/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG